Salada Verde

Fiscais de braços cruzados

Agentes do Ibama de Mato Grosso colocam portarias de fiscalização à disposição. Ações de combate ao desmatamento estão paradas.

Salada Verde·
4 de maio de 2010·14 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Cuiabá – Nesta quarta-feira, 76% dos fiscais do Ibama de Mato Grosso vão colocar à disposição de suas chefias suas portarias de fiscalização em ato de protesto pela intransigência do governo nas negociações de reestruturação da carreira de especialista em meio ambiente. Sem o documento, não é possível lavrar autos de infração, termos de embargo, apreensão, depósito e doação. Mas os fiscais só deixarão de exercer essas funções se houver aceite de seus superiores. Sessenta e um dos 88 agentes federais de fiscalização do Ibama se disseram dispostos a entregar os cargos.

“É um ato de protesto dos servidores, contudo, a atividade de fiscalização é inerente ao cargo e a nomeação ou exclusão de portaria de fiscalização se dá após análise da adaministração da autarquia”, explica Rodrigo Dutra, chefe da fiscalização do Ibama em Mato Grosso.

De todo modo, por causa da greve, todas as atividades de fiscalização no estado estão paralisadas desde o dia 12 de abril, com exceção da Operação Soja Pirata, que ocorre em parceria com a Polícia Federal no nordeste de Mato Grosso. Segundo Dutra, o envolvimento do instituto na operação Arco de Fogo em Juína e Sinop está prejudicado, assim como as operações mensais do Plano de Combate ao Desmatamento nas bases de Aripuanã, Alta Floresta e Sinop.

De 2005 a 2010, os fisicais no estado embargaram mais de um milhão de hectares na Amazônia Legal, por desmatamentos e queimadas ilegais. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores Federais da Área de Meio Ambiente (Sintfama-MT), as ações de fiscalização contribuíram com 42% de todos os autos de infração lavrados no país, o que equivale a R$ 11 bilhões em multas.

De acordo com Basílio Junior, presidente do Sintfama-MT, outros sete estados devem seguir o exemplo de Mato Grosso e colocar as portarias de fiscalização à disposição. (Andreia Fanzeres)

Leia também

Notícias
16 de fevereiro de 2024

Bagre de cor rara é encontrado pela primeira vez no Parque Nacional da Tijuca

A aparência toda dourada é uma variação de coloração raríssima apresentada por uma espécie de bagre nativa da Mata Atlântica e só havia sido registrada uma única vez, em SP

Salada Verde
16 de fevereiro de 2024

Zoneamento marinho avança no Sul e Sudeste com R$ 19 milhões do BNDES

Trabalho atende um compromisso assumido pelo país em 2017, na primeira conferência das Nações Unidas para os Oceanos

Notícias
16 de fevereiro de 2024

ONU alerta sobre grande declínio e maior risco de extinção de espécies migratórias

As ameaças incidem igualmente sobre milhares de animais, inclusive do Brasil, ainda não listados numa convenção global

Mais de Fortune Rabbit

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.